/ Web

Traduza seu blog Ghost para o português!

Quem já utilizou o WordPress e mudou para Ghost provavelmente sentiu falta de uma coisa: localização.

Não estou falando necessariamente de localização da interface em si, pois mesmo em inglês ela é bem simples de se entender. Estou falando de localização dos temas.

O tema padrão, Casper, não possui nenhum suporte nativo a traduções ou localização do conteúdo. Os desenvolvedores chegaram até a lançar uma documentação, explicando como implementar suporte a localização nos temas, porém eles mesmos não aplicaram em seu próprio tema. Casa de ferreiro, espeto de pau.

Encontrando alternativas ao Casper

Temos algumas possíveis alternativas para este problema de falta de suporte, que vão desde fazer você mesmo até utilizar algo pronto.

DIY: Do it yourself!

Bom, a primeira alternativa, e talvez mais óbvia, seria fazer você mesmo. Esta alternativa se resume em baixar o tema direto do Ghost, editar os arquivos de template e modificar ao próprio gosto, depois subir de volta.

É trabalhoso e, no final, gera retrabalho quando uma atualização sau. Ugh.
Sim, é a forma que eu lidava com o tema deste blog antes, então falo por experiência própria :)

Utilizar o WorldCasper

Outra solução, que descobri enquanto buscava uma forma mais simples de traduzir o tema, é utilizar o WorldCasper. Ele é, basicamente, o tema Casper, com algumas modificações para suportar nativamente traduções e localizações (e que já devia estar no Casper oficial faz tempo).

O tema funciona muito bem, porém não tem tradução oficial para o português brasileiro.

Há algumas Pull Requests no GitHub para o português brasileiro, que descobri enquanto escrevia este post, mas ainda não sairam em nenhuma release do tema.

Para usá-las, basta baixar alguma das Pull Requests e extrair o arquivo pt.json, localizado na pasta locales, e inserir na pasta locales do WorldCasper.

Utilizar o fork pt-BR

Esta foi a solução que achei, ao menos por enquanto, mais viável: um fork do Casper oficial, com modificações nas frases e (futuramente) suporte nativo a traduções (ao estilo WorldCasper).

O motivo de fazer isso, ao invés de usar WorldCasper? Algumas coisas, como datas de posts, não eram traduzidas corretamente, resultando em frases como "10 MAIO 2018".

Então, com propósito de eliminar de vez este problema, acabei fazendo o fork, que está disponível no GitHub e também é usado neste blog (dogfooding, anyone?).

A propósito, as frases usadas neste tema podem ser usadas no WorldCasper! Elas estão dentro da pasta locales, no arquivo pt.json e seguem o mesmo padrão. :)

Ajustes finais

Você instalou o tema, porém algumas partes ainda ficaram com as traduções faltando? As datas estão exibindo de forma incorreta? Pois bem, pode ser que você ainda não configurou o idioma dentro do Ghost.

Para fazer isso, basta abrir seu painel de administração, no menu SETTINGS e em seguida General. Lá irá encontrar as seguintes opções:

  • Site timezone: define o fuso-horário de seu blog, o horário que será exibido em postagens, feeds, etc.
  • Publication Language: define o idioma utilizado nos temas com suporte a localização, como também em datas e afins. Para o português, utilize pt.

Após alteradas, basta salvar e testar no blog novamente, que o resto de sua interface já estará traduzida e pronta para o uso!

Foto de Capa por Jon Tyson / Unsplash

Matheus Pratta

Matheus Pratta

Desenvolvedor web que ama design, fotografia e cinema. Atualmente morando em algum lugar entre São Paulo e Minas Gerais. 🍃🌄

Ler Mais
Traduza seu blog Ghost para o português!
Compartilhe

Inscreva-se em O Mundo de Matt